Comissão Própria de Avaliação (CPA)

A Comissão Própria de Avaliação (CPA) da Faculdade de Medicina de Campos, conforme dispõe o artigo 11 da Lei n° 10.861/04, regulamentada pelo artigo 7° da Portaria n° 2.051/04 – MEC, é órgão de Avaliação Interna, no âmbito da Faculdade de Medicina de Campos, com autonomia em relação a conselhos e demais órgãos colegiados da IES, com atribuição de coordenar os processos internos de avaliação da instituição, de sistematização e de prestação das informações solicitadas peio INEP.

Objetivo Geral

Desenvolver na Faculdade de Medicina de Campos uma autoanálise valorativa com vistas a verificar sistematicamente a coerência entre a sua missão e as políticas institucionais realizadas em busca da melhoria da qualidade acadêmica e o efetivo desenvolvimento institucional;

Objetivos Específicos

  • Impulsionar diferentes processos e procedimentos de autoavaliação de caráter permanente que contribuam para o planejamento e a gestão da FMC;
  • Estruturar e formalizar os processos de circulação das informações relativas à autoavaliação, realizada nas várias instâncias, entre os sujeitos envolvidos e a própria CPA.
  • Estabelecer os elos necessários entre a CPA e os órgãos da estrutura interna para garantir o acesso aos dados e às informações relacionados à avaliação, para fins de sistematização e reflexão por todos os envolvidos e pela CPA, para a efetiva proposição de mudanças;
  • Criar e adaptar, a partir da reflexão interna e, em sincronia com o SINAES, metodologias, instrumentos, indicadores e padrões para utilização nos processos de avaliação interna;
  • Obter e organizar efetivamente as informações e dados específicos necessários ao desenvolvimento da avaliação, em conformidade com o SINAES;
  • Propor mudanças que contribuam para a efetiva melhoria das atividades de ensino, pesquisa e extensão, bem como para aquelas que lhes dão suporte;
  • Integrar o sistema de avaliação, em todas as suas etapas, com os processos de desenvolvimento, reflexão e revisão do Projeto Pedagógico dos Cursos de Farmácia e de Medicina (PPC’s) e do PDI;
  • Conduzir as ações de implantação do processo de autoavaliação institucional;
  • Sistematizar e divulgar os frutos do processo de avaliação, envolvendo as informações e dados levantados bem como as ações dele decorrentes, disponibilizando-os à IES e aos órgãos competentes nos prazos legais e regimentais.

Integrantes

REPRESENTANTES DO CORPO DOCENTE
Profa. Inez Barcellos de Andrade (Presidente)
Prof. Marcelo Cordeiro Pereira (Vice-Presidente)
Prof. Thiago Fragoso Gonçalves
Prof. Shaytner Campos Duarte
Prof. Anderson Nunes Teixeira

REPRESENTANTES DO CORPO DISCENTE
Caroline Brum Moreira
Natália de Oliveira Freire

REPRESENTANTES DO CORPO ADMINISTRATIVO
Eliana Muniz de Souza
José Geraldo Neves Soares

REPRESENTANTE DA SOCIEDADE CIVIL ORGANIZADA
Dr. Jorge Fernando Trindade
Sr. Paulo Ricardo Vieira Pinto (Suplente)

HISTÓRICO DA CPA

A FMC é uma Instituição de Ensino Superior (IES) privada e filantrópica mantida pela Fundação Benedito Pereira Nunes que oferece cursos de graduação em Medicina e Farmácia, tendo sido seu funcionamento autorizado pelo Decreto Presidencial n° 61.380, em 18 de setembro de 1967, com oferta do curso de Medicina, com último recredenciamento publicado no D.O.U. em 04 de janeiro de 2012.

A Comissão Própria de Avaliação (CPA) da FMC foi instituída em 2004 em cumprimento ao disposto no Art. 11 da Lei n. 10.861/2004, de 14/4/2004, e no Art. 7º da Portaria n. 2.051/2004, de 09/07/2004. Em 2022, foi publicada a Portaria 028/2022, de 20/07/2022 com alteração dos membros integrantes da CPA, após aprovação do Conselho Superior da Faculdade de Medicina de Campos.

A CPA da Faculdade de Medicina de Campos busca a melhoria constante no processo educacional, procedendo a avaliação interna de forma eficaz. A CPA é composta por membros de todos os segmentos da IES, reunindo quatro representantes docentes dos Cursos de Medicina e Farmácia, dois funcionários técnico administrativos, um discente do Curso de Medicina, um discente do Curso de Farmácia e dois representantes da sociedade civil, com mandato por um período de 2 anos.

A Lei nº. 10.861, de 14 de abril de 2004, que institui o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (SINAES), prevê a criação de Comissões Próprias de Avaliação com objetivo de proceder à autoavaliação nas instituições de ensino superior. Dessa forma, a CPA da FMC pretende consolidar a autoavaliação de modo abrangente e contínuo, sintetizando as dimensões que definem a instituição. O processo de autoavaliação da CPA deve retratar o compromisso da comissão com o autoconhecimento e sua relação com o todo, em prol da qualidade da avaliação interna. Compreende-se, desse modo, a autoavaliação como um instrumento de gestão fundamental, pois é capaz de promover resultados eficientes, melhorando a qualidade do ensino superior e, consequentemente, ajudando a FMC a obter melhor desempenho nas avaliações externas.

O processo de autoavaliação da FMC articula-se aos propósitos e à execução das metas previstas no Plano de Desenvolvimento Institucional 2022-2025 e busca diagnosticar, de forma permanente, a Instituição, tomando como base para sua atuação as dez dimensões do Sistema Nacional de Avaliação do Ensino Superior (SINAES), criado pela Lei nº.10.861 de 2004. Para alcançar esse objetivo, a CPA promove ações em prol do diálogo permanente com a comunidade interna e externa, por meio de diferentes ações desenvolvidas, tais como acompanhamento, análise, consolidação de práticas avaliativas e tomadas de decisão.

A CPA tem buscado aprimorar a elaboração de relatórios de avaliação, de maneira que estimule, sensibilize e conscientize a comunidade acadêmica. No início da pandemia por COVID-19, as aulas práticas e teóricas de ambos os cursos passaram por mudanças e adaptações, com algumas delas sendo ministradas de forma remota/hibrida. Após discussão entre os membros da CPA decidiu-se reformular os questionários aplicados no processo de autoavaliação dos dois semestres de 2020, buscando atender as novas demandas de informações que o momento exigia e em 2021 retornou com a estratégia de Avaliação Institucional implantada pré-pandemia. A CPA se reúne uma vez por mês, ordinariamente, e se necessário, são marcadas reuniões extraordinárias, para análise, organização dos dados e elaboração do relatório de autoavaliação institucional.

Contato

E-mail: [email protected]

Tel: (22) 2101-2956